Saltar para o conteúdo
avaliação de alunos

Avaliação de alunos: a jornada avaliativa no Edify

Um dos grandes desafios educacionais é avaliar o desempenho e progresso de alunos de forma significativa, incluindo elementos somativos e formativos e abordando conhecimentos, habilidades e competências. Para mensurar o aprendizado de forma sistematizada e escalável, utilizamos dentro da área de mensuração educacional do Edify ferramentas online que permitem:

  1. Fácil acesso aos alunos e professores; 
  2. Maior agilidade na coleta de dados;
  3. Extração e análise de dados. 

Dentro da jornada de avaliação de alunos no Edify, iremos destacar, neste artigo, o nivelamento inicial, a avaliação contínua e a mensuração do aprendizado. Confira!

Qual a finalidade de provas de nivelamento?

Antes da implementação do nosso programa bilíngue em uma nova escola, queremos garantir que os materiais escolhidos estejam de acordo com os conhecimentos de inglês dos alunos em séries específicas. A seleção de materiais adequados garante um equilíbrio de desafios linguísticos e cognitivos, engajando os alunos e promovendo uma consequente sensação de progresso.

Além disso, aplicamos uma sondagem detalhada para o corpo docente que irá ministrar nosso programa, com foco em conhecimentos de inglês e habilidades de linguagem. Esse processo seletivo é essencial para validar se os professores possuem o pré-requisito linguístico. Na educação bilíngue, a exposição a bons modelos linguísticos é parte importante do processo de aquisição de línguas adicionais.

Como funciona a avaliação contínua de alunos Edify?

O Edify respeita o sistema avaliativo de suas escolas. No intuito de contribuir nesse processo, oferecemos um banco de questões e um manual de boas práticas para professores montarem seus próprios instrumentos avaliativos. Também proporcionamos atividades orais e instruções para professores avaliarem a oralidade dos alunos.

Entretanto, é importante investigar de forma frequente e sistematizada como os alunos estão progredindo.  No início de cada semestre, a partir do 30 ano do Ensino Fundamental, aplicamos provas diagnósticas em formato online, relativas ao conteúdo do material do semestre anterior. O tagueamento das questões permite identificar os pontos fortes e áreas a serem revisadas. Os resultados são apresentados para as escolas por meio de um relatório Power-BI, com informações por turma e por aluno. Esse olhar individualizado oferece possibilidade de maior personalização do aprendizado.

E o que são as provas de mensuração de aprendizado Edify?

Em um programa bilíngue, espera-se que alunos atinjam marcos de proficiência em determinados momentos. Exames internacionais são normalmente utilizados para medir a competência linguística de aprendizes, correlacionando os resultados com os níveis do Quadro Comum Europeu de Referência para Línguas (CEFR): A1 e A2 (básico), B1 e B2 (independente), C1 e C2 (proficiente). Porém, nem todos os alunos realizam esses exames. Desta forma, desenvolvemos nossos próprios instrumentos avaliativos em parceria com a NILE, em formato online, a fim de avaliar a competência comunicativa de alunos Edify em inglês, ao atingirem níveis alvo correspondentes aos níveis CEFR A1, A2, B1 e B2.

As provas de mensuração de aprendizado incluem 3 componentes: compreensão leitora, compreensão auditiva e produção oral. Os resultados desses instrumentos nos possibilitam entender como os alunos de segmentos e escolas específicas se situam dentro daquele nível alvo de proficiência, tornando o aprendizado visível. Os dados também embasam nossas ações de apoio pedagógico a professores e alunos.

No Brasil, a certificação da competência linguística em inglês torna-se ainda mais relevante.  O Parecer Bilíngue (2020), aguardando homologação pelo MEC, analisa e propõe normas para as escolas bilíngues e escolas internacionais. Dentre essas diretrizes, o parecer sugere, no artigo 19, níveis de proficiência mínima para alunos finalizando segmentos escolares e para professores em escolas bilíngues no Brasil:

a) Estudantes:

I – até o término do 6º Ano do Ensino Fundamental, espera-se que 80% dos estudantes atinjam a proficiência de nível mínimo A2 no CEFR; 

II – até o término do 9º Ano do Ensino Fundamental, espera-se que 80% dos estudantes atinjam a proficiência de nível mínimo B1 no CEFR; 

III – até o término 3º Ano do Ensino Médio, espera-se que 80% dos estudantes atinjam a proficiência de nível mínimo B2 no CEFR.

b) Professores

Ter comprovação de proficiência de nível mínimo B2 no CEFR.

Dessa forma, é possível compreender a importância do nivelamento inicial, da avaliação contínua de alunos e da mensuração do aprendizado como ferramentas para personalizar e aprimorar o processo de ensino-aprendizagem. Assim sendo, a jornada avaliativa do Edify se propõe a ser de fácil acesso aos alunos e professores, com maior agilidade na coleta de dados, além de permitir a extração e a análise das informações, visando uma investigação sistematizada de progresso.

Continue aprendendo sobre Mensuração da Aprendizagem!

Referências bibliográficas:

BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Parecer CNE/CEB nº 2/2020 de 09 de julho de 2020, das Diretrizes Curriculares Nacionais para a oferta de Educação Plurilíngue. Brasília: MEC, 2020.  

Disponível  em: <http://portal.mec.gov.br/docman/setembro-2020-pdf/156861-pceb002-20/ file>. Acesso em: 19 set. 2021. COUNCIL OF EUROPE . Common European Framework of Reference for Languages: learning, teaching, assessment. Cambridge: Cambridge University Press, 2001

COUNCIL OF EUROPE . Common European Framework of Reference for Languages: learning, teaching, assessment. Cambridge: Cambridge University Press, 2001

Compartilhe esse texto!

Avatar de Cristiane Corsetti

Cristiane Corsetti

Head da Área de Mensuração de Aprendizado do Edify. Possui Bacharelado em Letras Inglês e Alemão e Mestrado e Doutorado em Linguística Aplicada pela PUCRS, com período sanduíche na Universidade de Lancaster, Inglaterra. É especialista em treinamento de professores e em avaliação.

Assine nossa newsletter e fique por dentro de mais conteúdos relevantes sobre educação!

Veja textos relacionados: